Interpretação de um mapa astral

Interpretação de um mapa astral

Você já deve ter ouvido falar em mapa astral, mas sabe como é feita uma interpretação?

interpretação de uma mapa astral
Libra

Antes de começar, apenas relembrando, eu escrevi uma sequência de posts sobre astrologia e horóscopo, parte 1, 2 e 3, onde explico os prós e contras desta pseudociência que muita gente adora.

A interpretação de um mapa astral não é uma coisa simples de se fazer. Há sites que fornecem uma análise superficial, servindo apenas para tomar contato e servir como uma base. O problema deste tipo de serviço é que as interpretações de cada parte são apresentadas como blocos individuais, sem levar em conta o conjunto. Pode ser que futuramente, com inteligência artificial e machine learning, alguém seja capaz de criar um software que gere uma interpretação bem mais apurada do que as feitas por humanos.

Interpretar um mapa astral é como resolver um mistério. Há várias pistas e informações soltas que precisam ser agrupadas para formar sentido. São comuns repetições de determinados temas em um mesmo mapa, como se reforçassem ou indicassem uma solução final.

Felizmente ou infelizmente, o ser humano é complexo demais para ser resumido em algumas poucas linhas, mesmo para as pessoas que interpretam mais experientes.

O quê me proponho aqui, é dar uma amostra de como fica uma interpretação feita por um humano, demonstrando as repetições de um mesmo tema. Tentarei o máximo possível não usar o astrologuês, me atendo mais a conceitos psicológicos e padrões comportamentais.

 O mapa é de uma jovem mulher da qual eu nada sei (“amiga” do Facebook). O nome e os dados não serão revelados para preservar a identidade e privacidade da pessoa.

interpretação de um mapa astral
Mapa completo

Começando a interpretação de uma mapa astral

A interpretação de um mapa astral não tem um começo específico ou um caminho único para se trilhar. Normalmente, as pessoas começam pelo sol, lua, ascendente, os elementos e os ritmos, mas não é uma regra. Assim sendo, vou analisar os agrupamentos que mais me chamaram atenção, sem uma sequencia pré definida.

Conjunção exata de Urano e Saturno na Casa 2 em sagitário

Netuno também está na casa 2, mas em capricórnio, e não faz conjunção com os outros dois planetas.

conjunção urano saturno
Conjunção Urano e Saturno

São dois princípios ou características diametralmente opostas que ocupam o mesmo espaço. Enquanto Urano representa a inovação e a vanguarda, o rompimento normalmente violento de padrões estabelecidos, Saturno remete à estruturas e base dos antigos. Coisas novas x coisas velhas. Na mitologia grega, Cronos (Saturno), decepa o membro viril de seu pai Urano, para impedi-lo de continuar criando coisas novas.

No entanto, em conjunto formam uma dupla poderosa, pois um balanceia o outro. Caracteriza uma pessoa consideravelmente obstinada, variando do egoísmo até a determinação esclarecida. Tende ao incomum;  raras vezes se importa em agradar aqueles de mentalidade convencional. Normalmente tem um espírito democrático, embora a metodologia usada seja autocrática, ou seja, de imposição da vontade à força.  Ou é do seu jeito ou de jeito nenhum.

Como está na casa 2, que representa o corpo e as posses físicas, e Saturno em sagitário, que é o signo dos ideais mais elevados, pode levar a pessoa a ter um forte senso de o que ela sabe é a verdade absoluta. Pode ser também, fanaticamente materialista.

O seu bem mais precioso é a determinação para conseguir o que quer, como se quebrasse paredes para construir degraus de uma escada (ou empilhando corpos…).

No entanto, pode muitas vezes cair em armadilhas ilusórias. Netuno em capricórnio pode ser que a leve a não conseguir os resultados esperados. Luta em vão pelos objetivos errados. Acha que está certa mas não está. Pode indicar problemas com administração de dinheiro, alternando momentos de sorte e prosperidade com penúria e pobreza. Coisas do tipo vem fácil e vai fácil .

A conjunção Urano e Saturno está em sextil com Sol em libra na casa 12

Reforça muito o sentido da busca obsessiva por coisas ilusórias, fúteis ou sem valor prático. Pode ter fantasias ou crenças que não podem ser  concretizados ou que viva como num conto de fadas. Talvez sinta um desconfortável senso de injustiça de que deveria ter as coisas mas não tem. Acha que por direito de nascença, deveria ter acesso mais facilmente aos recursos que não tem.

 A figura do pai, representada pelo sol, pode ter reforçado esse comportamento. Talvez o pai seja uma figura imaginária ou idealizada, e que nunca atingirá suas expectativas. Pode achar que o pai é mais do que realmente  é ou era, podendo também indicar que não o tenha conhecido, que ele seja somente uma ilusão, que sonha em encontrar o verdadeiro pai (ou alguma figura masculina que cumpra o papel de “pai”).

conjunção urano saturno em sextil com o sol
Conjunção urano saturno em sextil com o sol

A figura paterna, independentemente de ser o pai biológico ou não, pode ter sido alguém extremamente idealista, que lutava pelos direitos das outras pessoas ou também pode ter sido algum fanático com ideias de grandeza que nunca se concretizaram. 

Algo me diz que talvez ele possa ter tido problemas com  vícios, que é natural da casa 12. Numa interpretação de um mapa astral, não dá para cravar nada.

Em relação a sua própria personalidade, pode sentir dúvida de quem realmente é e qual o sentido da vida. Pode sentir-se muito indecisa em relação aos caminhos que quer tomar. Pode ter um desejo de lutar pela igualdade ou pelos direitos das minorias. Talvez tenha dúvida com sua orientação sexual. Pode ter tido alguma experiência traumática envolvendo algum homem quando criança (associo a isso Marte na cúspide de peixes na casa 5, quadrando com a conjunção Saturno e Urano).

O seu lar pode não ter sido convencional (casa 4 em aquário). Você via a relação de seu pai sua mãe como boa, mas não era um bom lar. Mais provável encontrará um lar numa estrutura ou lugar que divide com amigos ou amigas, do que a própria casa. O dupla pai e mãe é representada pelo par Sol e Lua, que formam um trígono (o único de mapa). Esse bom aspecto indica que o que pensa e sente normalmente estão em sintonia.

Lua na casa 4 em aquário

Um dos pontos principais que vejo na quadratura da lua na casa 4 com ascendente em Escorpião deve ter sido, ou ainda é, algum problema de relacionamento com a mãe. Ela não concorda com o seu comportamento ou a forma como você age. Isso pode ter sido motivo de muitas brigas e causado um forte impacto na sua personalidade. Enquanto ela reclamava do seu gênio difícil, você a via como fria, distante, preocupada mais com os outros do que com você.

Além do significado com a mãe e o lar, a lua indica seus estados de humor, que podem ser bem variados e mudar repentinamente, passando do social e acolhedor para o agressivo e punitivo. Isso pode ser um grande problema para você, pois faz com que sabote qualquer tentativa de ser acolhida por alguém. Pode achar estranha a bondade descomprometida.

Plutão está em conjunção com o ascendente escorpião

Ascendente escorpião
Ascendente escorpião

O sol na casa 12, apesar de estar em libra, está muito próximo de escorpião, o que te faz ter uma característica muito forte do que representa esse signo. Você se comporta mais como uma pessoa de escorpião do que libra.  Pode ser possessiva, vingativa, principalmente quando ferem seus sentimentos. Guarda mágoas e não perdoa facilmente. Esse temperamento difícil pode atrapalhar o seu desenvolvimento profissional e exposição social.

Plutão, quadrando com o meio do céu em Leão, indica que suas aspirações profissionais ou de posicionamento e elevação social são sempre uma questão de vida ou morte. Entrega-se, se esforça muito e dá um peso enorme a qualquer coisa relacionada a isso. Há uma pressão interna constante de renovação, mudança ou de transformação. Algo precisa morrer para que o novo surja, e você não se importa com as consequências disso, desde que a ajude à alcançar seus objetivos.

Pode haver um desejo maligno de ferir emocionalmente qualquer pessoa que cruze o seu caminho, ou de contrariar qualquer ideia pré-concebida, principalmente as de cunho religioso, ou que restrinjam de alguma forma a sua liberdade criativa.

Pode ser que poucas pessoas a conheçam realmente, pois pode ter a tendência de esconder ou mascarar os verdadeiros sentimentos. Pode achar que essas emoções são ruins e não quer que outras pessoas saibam que você pensa de determinado jeito, ou simplesmente, não quer dar satisfações.

A demonstração das emoções pode aparecer de maneira inconvencional ou excêntrica, pois não quer ser vista como as demais pessoas e tem uma necessidade de se destacar ou chamar atenção socialmente, não importando o meio que possa ser usado.

Pode ter sido fruto de uma gravidez indesejada que afetou profundamente a vida da mãe, mas não tanto a do pai. A mãe é que mais sofreu por causa disso, podendo indicar a razão das brigas e discordâncias com ela.

Todo o desejo por coisas materiais e impor sua vontade a qualquer preço, usando muita energia no processo, pode indicar que o que realmente precisa é de alguém que lhe dê segurança emocional e material, para poder ser quem você realmente quer ser. Isso se manifesta na forma do descendente em touro, ou seja, touro está na casa 7 (relacionamentos, casamentos, o “outros”), que pode desejar como parceiro uma pessoa que lhe proporcione esse tipo de segurança, alguém que consiga de alguma forma te pôr algum freio ou conter seus desejos e atitudes excêntricas ou autodestrutivas.

touro e Júpiter na casa 7
Touro e Júpiter na casa 7

Júpiter também está na casa 7, porém em gêmeos, e isso pode indicar que o parceiro desejado seja alguém que considere inteligente, ou que tenha algum tipo de conhecimento que admire. Um tipo de sabedoria que não consegue encontrar dentro de si mesma e só enxergar através de outra pessoa. Júpiter forma um sextil com o meio do céu (casa 10 em leão), indicando que esse parceiro é quem a ajudará à atingir seus objetivos profissionais, ou visto de uma forma mais literal, te alçará ao destaque social.

Vênus está na casa 11 em virgem, em sextil com o ascendente escorpião

Isso pode indicar que presa por organização ou que goste de deixar a casa arrumada para receber visitas. Sente que pode expressar seu jeito de ser mais naturalmente na presença de amigos. Pode enxergar beleza nas rotinas e nas repetições de padrões ou em lugares bem organizados. Onde Vênus aparece também indica a área onde temos tendência a sermos invejosos, mostrando que pode querer o que foi descrito anteriormente, mas não consegue. Vê isso através do que as amizades tem e que você não possui: uma casa bem estruturada.

Vênus em sextil com plutão
Vênus em sextil com plutão

Vênus em sextil com o ascendente em Escorpião,  pode lhe conferir esteticamente uma beleza que desperte bastante interesse  de outras pessoas. Gera uma atração inexplicavelmente forte, mas tem dificuldade de lidar com o assédio. É desconfiada e acha que todas as pessoas estão querendo se aproveitar de você de alguma forma. Sempre com o pé atrás com relação às intenções dos outros (acha isso pois é o jeito que você se sente quando precisa pedir algo para alguém: desconfortável).

O sol na casa 12 em libra

Sol em Libra
Sol em Libra

Pode significar um desejo por um relacionamento idealizado, mas que nunca se concretizará. Pode sentir que sempre há uma barreira, uma nuvem, um véu, te bloqueando, impedindo de chegar onde quer, ou que teme que as coisas não terminarão bem para você. Existe uma ligação entre o que você imagina como sendo bom em um parceiro, como disse,  onde de busca a estabilidade  emocional e financeira, mas acaba esbarrando em pessoas, ou mais velhas ou inconvencionais, pessoas instáveis ou que não te darão a tão desejada estabilidade. 

No fundo, pode ser que não admita para si mesma que o que quer é alguém que cuide de você. Debaixo de toda as máscaras e camadas que usa para se manter fechada em  seu mundo, existe uma vontade de se entregar e deixar que o outro tome as decisões por você. Pode se sentir exausta de tanta autoproteção, sempre com as barreiras erguidas, impedindo a aproximação das pessoas.

O “outro” aqui também também pode ser entendido como a sua outra parte, ou a sua sombra, que não consegue enxergar em si mesma, precisando ver refletida no externo para reconhecer a própria segurança que deseja. Em outras palavras, você possui essa segurança emocional, mas não consegue acessar lá a não ser vista ou reconhecida em outras pessoas. 

O ideal de vida representado pelo sol na casa 12, pode ser o desejo inconsciente de conseguir uma relação estável, um casamento mais precisamente, quando acha que finalmente poderá descansar, relaxar e aproveitar as coisas boas da vida.

A casa 8 em gêmeos

A casa 8, que tem relação escorpião e Plutão, sendo considerada a casa do sexo e das transações financeiras, da morte, transformação e renascimento, está em gêmeos, o que pode significar que gosta de ter contato ou trocar informações sobre assuntos obscuros, secretos, imorais, politicamente incorretos, que é curiosa a respeito das experiências sexuais, mas fica no raso. Teme ou não tem paciência para ir mais a fundo.

Casa 8 em gêmeos
Casa 8 em gêmeos

Os encontros sexuais podem ser curtos e vazios. Fica entediada facilmente e quer experiências novas. Quiron também aparece na casa 8, mas em câncer, o que pode indicar que há uma ferida emocional causada pela mãe ou figura feminina, ou alguma coisa relacionada ao lar, que te causou um grande trauma e que nunca será curada. Pode trocar de parceiro frequência, pois não se apega facilmente. Sexo e uma coisa mais leve se comparada com o peso de um relacionamento profundo.

Gêmeos, cujo regente é mercúrio, que está em libra, pode indicar algumas vezes uma tendência ao bissexualismo.

A casa 5 em peixes

Ainda sobre relacionamentos amorosos, indicado pelo conteúdo da casa 5 que está em peixes, pode indicar que namoros são fonte de tristeza, insegurança e instabilidade e que não sabe direito qual caminho seguir. Os homens, ou figura masculina representada por Marte na casa 5, em quadratura com a conjunção Saturno e Urano na casa 2, reforça a dificuldade de encontrar o parceiro ideal. Reforça que os homens são incompreensíveis e suas motivações são meramente interesseiras. Pode ser que se relacione pessoas mais velhas ou excêntricas. Para chegar ao casamento, ou união estável, precisa passar por esta fase turbulenta de testes, até encontrar a segurança emocional que tanto deseja.

Ainda, pode acabar ficando com pessoas que sente pena, que estão “quebradas” emocionalmente, ou alguém com vícios.

Casa 5 em peixes
Casa 5 em peixes; marte quadrando com a conjunção urano-saturno

A infância pode ter sido sofrida ou ter tido uma criação muito rígida,  severa ou dogmática, onde tentaram te enfiar goela abaixo ideias ou crenças que não concordava. Nas brincadeiras pode ser muito competitiva ou querer ser sempre a primeira e que não admite ficar por baixo, principalmente se for alguma coisa relacionada com o seu ideal de vida. “Brinca como meninos”, meio moleca, o que pode ter sido alvo de críticas. Paranoia e ciumes por coisas ilusórias.

Os elementos: fogo, terra, ar e água

 Com relação aos elementos, você tem mais ar e fogo e menos terra e água,  o que indica que pensa e age sem muita ponderação e sem se preocupar muito com o sentimento das outras pessoas. Pode ser precipitada nos julgamentos e ações; você é sua fonte de motivação: o que pensa consegue transformar em motivação, mas nem sempre são concretizadas. Tem uma ideia, se empolga mas, na hora de executá-la, não consegue pôr em prática.

Os ritmos: cardeal, fixo e mutável

Com relação aos ritmos, você tem uma maior tendência a desejar que as coisas permaneçam como são (fixo), seguido por uma vontade de começar coisas novas (cardeal), embora, como citei anteriormente, nem sempre consegue pôr em prática, e tem uma menor disposição para mudar as coisas que já existem (mutável). Juntando o significado dos elementos e dos ritmos pode indicar que pensa e age de maneira a manter as coisas como estão. Sua preocupação é justamente manter a estabilidade, qualquer que ela seja para você no momento.

Elementos e ritmos
Elementos e ritmos

Descrição mais detalhada da posição de Saturno na Casa 2 em sagitário

Uma analogia muito próxima tem algo como de um internado numa prisão olhando para um homem livre, a passar do lado de fora da sua janela com grades. A reação de um Saturno inconsciente raramente é agradável e, na maioria das vezes, é uma inveja amarga.

Depois depois da sua castração e da perda do poder nas mãos de Saturno, Urano desaparece do Panteão Olímpico e de nenhum modo é esclarecido se ele morre ou não, se é que é possível a um Deus morrer. Ele continua somente de uma forma indireta: as fúrias, ou deusa da justiça e da retribuição, nascendo seu sangue, e Vênus, a deusa do amor, surge do oceano dentro do qual haviam sido lançados os seus órgãos genitais amputados. Plutão rege o mundo dos infernos e raramente sai de sua toca. Quando o faz, está velado e invisível não podendo ser visto pelos olhos do homem.

O impulso de libertar-se das limitações da matéria, de liberar o poder do pensamento criativo, de aprender a dominar as forças da natureza pelo poder da mente (urano), não combina facilmente com a tendência de Saturno de identificar-se com a forma e isolar-se de qualquer coisa que diga respeito à mudanças estruturais.

A segunda casa é fixa e de terra, que sugere a necessidade emocional de um alicerce seguro; sugere antes um desejo do que a consequência do desejo. As propriedades ou coisas materiais são apenas uma forma simples e tangível de satisfazer os desejos. Pode aplicar-se tanto à relacionamentos, dinheiro no banco ou outros tipos de posse, uma vez que os dois são elementos de desejo e que, de certa forma, estão ligados ao amor. Estando em  sagitário, o desejo pode vir na forma de experiências, vivências ou aventuras, como viagens e não propriamente algo físico.

saturno na casa 2
Saturno na casa 2

 A interpretação mais simples de Saturno na segunda casa é o medo da pobreza, e esse posicionamento certamente acompanha, com frequência, uma infância passada na pobreza, privada da superfluidade da vida e, às vezes, até mesmo das coisas mais necessárias.

Este é o Saturno no seu nível mais literal, no qual ele nega uma qualidade material indispensável ao bem-estar do indivíduo, de modo que, mais tarde, na vida, há uma necessidade constante de preencher esse vazio. Normalmente, Saturno na segunda casa, se mostra inclinado a aceitar como valores somente aqueles aceitos pela sociedade. No entanto, a conjunção com Urano torna a situação mais complicada.

Há uma batalha interna lutando entre manter o conhecido e romper com as amarras sociais. Toda determinação e obstinação para conseguir aquilo que se quer, pode não satisfazer ou não gerar prazer devido medo de perder pelo que lutou tanto para conseguir. Pode ter medo da responsabilidade, de possuir ou ser proprietária de alguma coisa, porque conhece a dor de perder aquilo que possui. Não obstante, é compelida compulsivamente à juntar mais e mais. Nada é suficiente para te fazer sentir-se plenamente segura. Esse pode ser o carma de sua vida, se é que tal coisa existe.

Curto resumo

Por tudo que foi descrito acima, nota-se duas tendências claras: uma de fazer prevalecer sua vontade a todo custo, no sentido de manter a sua identidade, as suas posses, seu desejo de apropriação e ser dona, e outra de desejar a estabilidade emocional vinda de fora. São sentimentos antagônicos e pode causar grande confusão mental. Pode ter tido problemas com a família, sobretudo com a mãe, que lhe cause a vontade de ser diferente, fechada ou deliberadamente hostil e vingativa, mas o que realmente deseja é sentir-se acolhida, sem que precise fazer um esforço extenuante para ser ou manter quem você é.

Considerações finais

Como podem ter notado, a interpretação de um mapa natal é bastante complicada. Há muito mais para ser extraído. Normalmente, faço uma primeira análise, “as cegas”, para que informações sobre a pessoa não afetem a interpretação, e depois abro para discussão, confirmação ou negação do resultado. Esta segunda parte é onde realmente a astrologia pode ajudar no autoconhecimento pessoal, uma vez que tem-se uma base para se trabalhar. No entanto, não fará parte do escopo deste post.

A interpretação de um mapa é apenas uma sugestão do que a rica simbologia pode oferecer, filtrada pelas crenças de quem fez a análise (outra pessoa pode entregar resultados diferentes, com pontos de vista que não me são normais). Algumas das experiências sugeridas pela interpretação pode ainda nem ter ocorrida na vida, no caso de jovens (por isso me recuso à fazer mapas de crianças), e outras só serão percebidas tempos mais tarde, com o amadurecimento e auto conhecimento.


Não é o tipo de post que escreverei com frequência, pois toma-me muito tempo e o alcance e interesse público é limitado. No entanto, se alguém tiver interesse pelo assunto e desejar uma interpretação de seu mapa, entre em contato comigo e veremos o que pode ser feito.


Talvez se interesse em ler sobre o significado de sonhar com outros temas. Abaixo seguem algumas sugestões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *